quinta-feira, outubro 23, 2008

Hotel 3

Charle estava amarrado, estava amarrado á uma cadeira, estava tentando desesperadamente se soutar mais não conseguia, uma pessoa vai até ele uma pessoa com cabelos loiros, camisa azul, calça jeans, o nome dele é Ablon.
Ablon:
- nós sabemos que você querem matar alguém?
Charle:
- um dos nossos amigos que matou o outro, por favor nos tire daqui.
Ablon:
- bem tira vocês isso deveria resultar na morte de um de nós não sabemos se vocês são confiáveis, se o seu amigo matar de novo, vai fácil por que todos conhecem todo mundo, se nós liberamos vocês a nossa lista pode aumentar.
Charle:
- qual é o seu nome?
Ablon:
- meu nome é Ablon.
Charle:
- nos tire daqui essa pessoa pode ser muito perigosa.
Ablon:
- bem se ele fosse perigoso para nós já saberiamos da existência dele.
Dois anos depois.
Kyller no quarto com uma escopeta, a Monica também estava no quarto com um revolver.
Kyller:
- maldito Tyller se não fosse por ele essa situação não teria acontecido.
Monica:
- onde será que estão Charle.
Kyller:
- eu gostaria de saber faz um tempo que eu não vejo ele.
Monica:
- você acha que é seguro sair daqui.
Kyller:
- eu não quero que você saia daqui.
Monica:
- não está na hora de você bancar o super protetor.
Kyller:
- eu me lembro quando você morreu pela primeira vez.
Monica:
- temos que sair, temos que pegar a comida "deles" se não ficamos morrendo de forme.
Kyller:
- erá tão fácil quando eles nos entregavam a comida.
Monia:
- depois do incidente tudo mudou.
Kyller:
- vamos sair.
Monia:
- se não sairmos talvez todo mundo morra.
Kyller:
- temos que encontrar o Ablon ele é a unica esperança.
Monica:
- vamos sair.
Kyller:
- sim.
eles sairam do quarto.
Kristan estava em um lugar totalmente escuro, ele tentava prestar atenção em tudo mas não conseguia, estava muito preocupado que alguma coisa pudesse acotecer, ele estava com muito medo.
Kristan:
- eu queria que alguém connhecido apareser-se.
Ele se sentou no chão.
Kristan:
- meu deus eu estou morrendo de medo.
alguém encosta a mão no ombro do Kristan.
Kristan:
- quem é?
Charle:
- sou eu Charle, você tem que sair desse andar, você sabe que "eles" deixaram esse andar sem luz para as pessoas irem nos quartos armadilhas.
Kristan:
- eu sei quais são os quartos normais, eu joguei meus sapatos nos quartos o que ativavam alguma coisa são os quartos armadilhas.
Charle:
- você tem toda confiânça disso?
Kristan:
- eu estou arriscando minha vida.
Charle:
- devemos sair desse andar.
Kristan:
- você sabe que não podemos mais controlar os elevadores.
Charle:
- temos que achar o Ablon antes "deles".
Kristan:
- você não acha que deveriamos nos preocupar com o Tyller.
Charle:
- em pensar que eu chorei por ele.
Kristan:
- você não sabia disso.
Charle:
- você sabe que aqui não é muito seguro "eles" podem aparecer aqui.
Kristan:
- e tudo era tão normal depois do que o Tyller fez.
Charle:
- chega vamos sair daqui.
Kristan:
- você quer se arriscar nos elevadores.
Charle:
- nesse quarto tem um buraco, que vai para o andar de baixo.
Kristan:
- como eu não reparei nisso.
Charle:
- cale a boca e vamos.
Kristan:
- certo.
Monica e Kyller sairam do quarto, eles estavam vendo quase toda a parte do hotel ruindo, eles estavam com medo de pisar em algo e caírem, eles foram para o bar e viram uma latas de cerveja.
Kyller:
- eu não sei se eu vou morrer mas eu queria experimentar essas loiras se algo de ruim acontecer comigo.
Monica:
- tudo o que você quer agora são essas malditas cervejas.
Kyller:
- que mal pode haver nisso.
Monica:
- deve ter algum mal.
eles ouviram um barulho.
Kyller:
- de onde veio issso.
Monica:
- você não quer que eu vá ver.
Kyller:
- mas nem sabemos de onde veio esse som poderia vim de qualquer canto.
Monica:
- isso é que me preocupa.
Kyller:
- podemos pegar essas cervejas eu prometo que eu não vou fazer mal á ninguém.
Monica:
- você não acha que deviamos usar isso como arma, sabe caso alguma coisa de ruim possar acontecer.
Kyller:
- eu não quero machuca-las.
Monica:
- vamos sair daqui.
Kyller:
- mas ir para que canto.
Monica:
- poderemos simplesmente voltar para o nosso quarto.
Kyller:
- nós temos que sair desse Hotel não importa o que aconteça.
Monica:
- vamos para onde?
Kyller:
- temos que ter cuidados para evitar as aramdilhas.
Kyller apontava a escopeta para frente.
Kyller:
- eu não sei o que fazer?
Monica:
- nós temos que procurar Ablon.
els dois estavam andado e olhando para os lados.
Monica:
- vamos gritar por ele?
Kyller:
- eu não sei se é uma boa idéia.
Monica:
- por que você acha isso?
Kyller:
- por que assim pode chamar um "deles".
Charle estava e Kristan estavam entrando no quarto, Kristan viu um buraco no chão.
Kristan:
- eu devia ter...
o Kristan estava sendo puxado por uma pessoa, Charle, estava com um revolver.
Charle:
- onde está você?
Charle estava procurando ele, estava correndo no quarto, ele estava procurando Kristan, estava tudo escuro.
Charle:
- eu não posso gritar.
ele foi para o buraco.
Charle:
- droga, eu estou aqui.
ele estava apontando, a arma para cima.
Charle:
- MALDITOS.
ele foi para o corredor, ele encontrou com o Derve.
Derve:
- onde está o Kristan?
Charle:
- alguém pergou ele.
Derve:
- será que foi o Tyller.
Charle:
- eu não sei a pessoa pegou ele não sei como.
Charle:
- todos estão desaparecendo.
Tinha uma mulher amarrada, uma loira, de olhos azuis, uniforme azul.
Derve:
- o que o seu povo fez?
Mulher:
- o mesmo que vocês fizeram?
Charle deu um murro na cara da mulher.
Charle:
- você vai pagar.
Mulher:
- você podem fazer o que quiserem mais tudo isso foi culpa de você.
Charle:
- pare de dizer isso.
Derve:
- ainda bem que eles vacilaram uma vez.
Charle:
- tudo isso foi culpa do Tyller.
Derve:
- por que vocês querem encontrar o Ablon, ele é um desgraçado.
Charle:
- mais ele é considerado por vocês um dos mais perigosos.
Kyller estava andando olhando direito para o corredor estava muito preocupado com tudo, Monica estava muito preocupada.
Monica:
- eu tenho certeza que eu tinha ouvido algo.
Kyller:
- será que pode ser um "deles"?
Monica:
- bem ultimamenrte eu tô achando tudo.
Kyller:
- você tem razão nós já vimos de tudo.
um tiro passar perto deles, eles vão atrás do balcão.
Kyller:
- QUEM É?
Monica:
- existe alguém aqui.
Voz:
- VOCÊ É UM "DELES".
Kyller:
- NÃO.
Voz:
- PODE VIM.
Monica:
- maldito.
Kyller:
- eu acho melhor deixar ele seguro onde está?
Monica:
- por que você acha isso?
Kyller:
- por que "eles" podem saber da existência dele.
Monica:
- você quer manter essa pessoa livre de contato.
Kyller:
- lembre-se ele pode está mentindo.
Monica:
- isso pode variar talvez"eles" nos chamem de "eles".
Kyller:
- na duvida não vamos revelar nada.
Monica:
- eu odeio fica nessa situação de guerra.
Kyller:
- mas não podemos fazer nada.
Monica:
- se pudessemos acabar com essa guerra.
Kyller:
- para isso teremos que achar o Ablon.
Monica:
- eu sei.
eles ouvem uma explosão, eles se abaixam.
Kyller:
- DROGA.
Monica:
- PESSOA VOCÊ ESTÁ BEM.
eles ficam em 1 minuto de sîlêncio.
Kyller.
- todos nós vamos morrer, e apatir de agora vamos morrer.
Kyller estava muito preocupado com essa explosão por que as explosões já tinham acontecido antes, a um ano e meio atrás.Kyller:- eu já ouvir essas explosões acontecerem elas são para poder matar todo mundo.Monica:- você está começando a fica louco.Kyller foi ver o local da explosão, ele viu a porta de um quarto toda destruída, ele ficou em pânico.Kyller:- isso pode acontecer em qualquer quarto.Monica:- você deve se acalmar.Ele pegou a arma e ficou apontado para todas as direções.Kyller:- vocês não vão me pegar.Monica:-TENHA CALMA.Kyller:-ter calma esses caras querem matar a gente á todo preço estamos em guerra aqui caso você não notou.Monica:- mas não adianta você ficar agindo feito louco que isso não vai ajudar em nada, e você sabe disso.Kyller estava muito preocupado.Kyller:-eu vou ver todos os estragos dessa explosão.Monica:- tenha cuidado que eles podem está planejando alguma coisa.Kyller:- essa possíbilidade sempre está na minha cabeça.Kyller ele vai com muito cuidado para o quarto, ele ver a parede toda queimada, ele ver a cama toda destruída.Kyller:- eles poderiam ter poupado a cama!ele continua e não ver nenhum buraco no chão.Kyller:- sempre pensei que a baixo de nós poderia haver uma saída e essa possíbilidade ainda não saiu da minha cabeça.Ele ver que tem um buraco no teto.Kyller:-eles arrumaram outro jeito para entrarnos no segundo andar.Kyller quando se virou tinha um homem apontando uma arma para ele.Kyller:-quem é você?Pessoa:- eu pergunto a mesma coisa.Kyller:- tire essa arma da minha cara.Pessoa:-eu sei que você pode ser um "deles" eu não vou deixar de escapar essa possíbilidade.Kyller:- você pode pensar o que quiser mas eu te digo que eu não sou um deles.Pessoa:- esses desgraçado não são muito confíaveis.Kyller:-olha eu não sou uma dessas pessoas.Pessoa:-eu devo atirar em você.Monica:-se você atirar nele eu mato você.a monica estava com a arma apontada para ele.Pessoa:- devia saber vocês andam em grupo.Monica:-ele e todos nós.pessoa:-você está falando das pessoas que moram nesse maldito hotel.Monica:-se você acha que nós moramos então nós, vivemos no mesmo grupo.Pessoa:-eu quero e muito matar as pessoas que fizeram esse hotel.Monica:-você e todo mundo aqui.kyller:-você sabe que as pessoas que fizeram esse hotel estão querendo nos matar.Pessoa:-eu sei, eu sou um dos sobreviventes.Kyller:-pelo visto você tambem fez á escolha errada de descer.Pessoa:-eles nos jogaram naquele terceiro andar maldito que fez com que quase todo mundo morrer-se eu soube que o Ablon nos salvou.Kyller:-nós achamos que ele está envolvido nisso tudo, mas ele parece ser o unico que está tentando nos salvar.Pessoa:-o que vamos fazer?Todo mundo parou de apontar a arma para o outro.Kyller:-isso é um passo.Pessoa:-temos que revidar.Kyller:-desculpe mas que é você?Pessoa:-Hank.Kyller:-eu sou Kyller e ela é monica.Pessoa:-certo, mas ainda temos que sair daqui.Kyller:-teremos que subir.Hank:-você está maluco não podemos subir.Kyller:-não vai ser difícil para eles nos localizarem e nos matarem, se continuarmos só nesses andares.Hank:-teremos que nos vingar.Kyller:-matar todos eles?Hank:-o que você acha?Kyller:-olha eu sei que eles devem ter mais gente do que nós se lutarmos só vamos está adiantando as nossas mortes, teremos que por a paz.Hank:-você é maluco você quer a paz depois do que eles fizeram com a gente.Kyller:-isso não é um filme que um pode sair matando todo mundo, se eles quiserem nos matar vai ser mais rápido do que a gente pensa.Hank:-como você quer que aja paz?Kyller:-teremos que entregar Tyller á eles.Hank:-você é maluco, entregar um dos "moradores" para eles isso vai ser traíção.Kyller:-o tyller teve controle sobre esse hotel invadindo os computadores, ele matou vários"deles", ele quer uma guerra, eles viram como Tyller era perigoso e pensou que todos nós eramos e por isso eles nos colocaram no terceiro andar você lembra disso?Hank:- você está dizendo que não temos como ganhar essa guerra.Derve:-não estamos pensando com clareza.Charle:-eu acho que temos que entregar o Tyller, você sabe que ele quem começou tudo isso.Derve:-para min não vamos entregar ninguém.Charle:-vamos entrar em guerra contra eles.Derve:-vamos fazer todo possível para matar todos.Charle:-como vamos guadar esses andares.umas 5 pessoas sairam de um quarto, uma pessoa que estava com uma roupa, camisa grande, calça jeans.Pessoa:- como estamos aqui.Charle:-pelo visto tinha sobreviventes.Derve:-vamos aumenrtar esse numero de soldados.Charle foi até eles.Charle:-prescisamos lutar se quisermos sobreviver.Pessoa:-olhe eu não sei se essa é uma boa idéia.Charle:-eles vão vim, e vão matar á todos nós, devemos todos nos preocupar, porque todos vocês já estiveram no terceiro andar, eles nos mandaram lá para morrer.Pessoa:-mas todos nós estamos com medo.Charle:-prescisamos reunir toda coragem que tivermos temos que lutar.Pessoa:-você acha que poderemos sair desse local, e voltarmos para as nossas familias.Charle:-eu espero que se tudo isso resolver possarmos sair daqui vivos.Derve:-é melhor você não colocar muita eperança nisso tudo.Charle:-temos que ter algum plano, temos que sair daqui temos que batalhar para sair daqui, não podemos mais viver nesse Hotel como antes.Derve:-VOCÊS QUEREM SAIR?Todos:SIM.Derve:-eles vão lutar.Charle:-vamos fazer de tudo para sairmos daqui, mais por onde?Derve:-você sabe que estamos no sexto andar e lá em cima tem o sétimo, o oitavo é a nossa saída, por que não tem como chegar no oitavo, o oitavo é o lugar onde eles trabalham.Charle:-temos que ter alguma coisa que exploda o andar de cima.Derve:-o quartos explodem, vamos tentar encontrar o que está detonando elas.Charle:-os buracos no chão verifiquem onde exatamente explode, essa é a saída.Todos eles foram procurar, eles notaram que as bombas explodem bem no centro do quarto, eles procuraram as bombas, alguns encontraram, eles pegaram todas as bombas e levaram no centro da sala, encontraram 5 bomas.eles tinha todas as bombas no lugares, eles estavam pensando em um plano para tentar se salvar, para todo mundo querer sair de lar, todos sabiam que a situação piorou muito, eles estavam querendo uma guerra, sabiam que se"eles"vinherem poderiam ter o poder de matar todo mundo, um deles estava muito feliz.Pessoa:-mas, o andar de cima não é o andar da escuridão.Charle:-vocês gostam de por nomes, mas você tem razão eu acho que eles estão dorminando lá em cima.Pessoa:- o que vamos fazer?Charle:-eu tenho certeza que o Tyller está lá em cima, ele talvez nos ajude mas eu duvido porque ele matou umas pessoas.Derve:-o que vamos fazer com essa ameaça você acha que podemos fazer uma armadilha.Charle:-é muito arriscado um de nós poderiamos ser isca.Derve:-simples utilizamos a mulher, pense ela é um"deles" se o Tyller souber que ela pertence ao grupo com certeza ele vai querer matá-la.Charle:-mas existe a possíbilidade "deles" estiverem lá em cima, você não sabe que isso vai ser perigoso para todos nós temos que pensar em realmente um plano.Derve fica olhando as bombas.Derve:-mas temos que fazer alguma coisa?Charle:-eu estou querendo um plano que tenha menos mortes.Derve:-em que parte de guerra você não entendeu.Charle:-se nós somos poucos teremos que ter uma boa idéia, se não tivermos isso provavelmente eles vão matar todos aqui, na maioria das vezes, por honra ou não quando a maioria atacava a minoria sempre a minoria morria, não sei como lembrei disso.Pessoa:-você deve ter se lembrado da historia desse país.Charle:- mas nós somos pessoas sem nenuma mémoria, por sorte nós sabemos falar, e saber os próprios nomes.Derve:-você acha que a nossa memória vai voltar.Mulher:-vocês devem lembrar do que fizeram.Charle:-do que ela está falando?Derve:-ela está querendo algo contra gente isso é óbvio.Charle:-a gente DEVE se lembrar do que nós fizermos.Mulher:-vocês queriam ficar nesse hotel.Derve:-do que você está falando?Mulher:-VOCÊS QUISERAM POR SUAS PRÓPRIA VONTADE FICA AQUI.Mulher:-vocês estão aqui por que pensavam que vocês poderiam ser outras pessoas, mas vocês continuam sendo a desgraça que vocês eram antes de tudo isso acontecer, vocês pensam que são melhores do que a gente, mas só são piores.Charle olha para ela chega perto levanta a mão ameaçando dá um tapa nela.Charle:-nós tratamos todos aqui com repeito que eles meresem.Mulher:-todos queriam que você tiverssem esses pensamentos quando estavam fora, mas não só queriam matar, é só o que vocês pensam, mesmo quando tem uma chance de viver uma vida não tão normal mas pelo menos uma vida boa, erá isso que vocês estavam recenbendo, vocês estavam sendo cuidados mas nós sabemos que vocês não mereciam todo o conforto, por isso fizermos as armadilhas.Charle:-mas do que você está falando?Mulher:-por mais que eu queira eu sou proibida em revelar o que vocês eram.Charle:-REVELE.mulher:-eu posso peder o emprego se eu revelar.Charle:-lembre-se que você pode peder a vida, será que você está lembrada disso, eu não estamos te lembrando muito bem disso.Mulher:-meu pessoal sabe fazer um trabalho direito, tipo nós fizermos vocês pensarem que sabem realmente o seu nome.Charle:-mas eu me lembro um pouco que alguém me chamava de Charle antes de eu entrar em contato com alguém.Mulher:-o unico que sabe o nome dele de verdade, vocês conhecem com Tyller.Charle:-cale a boca.Mulher:-pelo visto você parece que quer mandar em tudo mas é horripilante quando você não controla nada, quando tudo está se desmoronando, você sabe que se algo de errado acotecer comigo eles vão te matar.Charle:-mas vocês me deram armas e nós sabemos como usar.Mulher:-você sabe que a unica maneira é se eles não te matarem primeiro.Charle:-quando o seu pessoal aparecer nós estaremos preparados para eles.Mulher:-tudo que vocês tem são armas e a esperança que que isso pode nos deter.Charle:-se o seu povo está querendo nos matar por que eles não fazem logo.Mulher:-por que vocês tem uma situação de refém.Derve ficava irritado com forme o tempo passar.Derve:-olha nós vamos matar vocês como animais que são.Mulher:-engraçado nós pensamos a mesma coisa de vocês, mas quem está preso na enorme gaiola.Derve:-você nãp vai sobreviver.Charle:-vai ser a mesma coisa para nós se matarmos ela.Derve:-será mesmo que eles vão matar a todos se ela morrer.Charle:-eu não duvido que algo pode realmente acontecer.Derve:-você está dizendo que devemos mater vivo essa mulher para ver se algo acontece, mas e se esse algo não acontecer.Charle:-eu aposto que eles devem gostar muito dela.Derve:-talvez ela seja chefe deles.Charle:-quando ela entrou, foi simplesmente como se fosse um deles, eu não acho que ela deve ter muita importância para eles, eu só acho que eles cuidam muito bem para quem trabalha para eles.Derve:-mas temos que fazer alguma coisa.Charle:-devemos encontrar mais pessoas para nos ajudar.Mulher:-eu aposto que todo resto deve está morto.Charle:-você se lembra que nós capturamos você.Mulher:-mas eu acho que só vocês tiveram essa sorte.Derve:-ela tem razão todos eles vão nos matar, devemos fazer algo.Charle:-a unica coisa que podemos fazer é sobreviver o máximo de tempo possível.uma das pessoas do Hotel foi para o charle.Pessoa:-o que vamos fazer?Charle:-primeiro parar de peguntar isso.Pessoa:-quando vamos entrar em guerra.Charle:-quando acharmos á saída.Pessoa:-o que?Charle:-vamos usar o elevador para irmos até o ultimo andar depois explodirmos a parte de cima.Pessoa:-por que não vamos para baixo?Charle:-você quer se arriscar no terceiro andar?Pessoa:-lógico que não.Charle:-essa vai ser a nossa saída.Na parte de baixo do hotel onde estava Kyller, Monica e Hank eles subiram para o segundo andar, eles olharam em todos os lugares e não encontravam nada, nenhuma pessoa, e nada para comer, o tempo passava e eles ficavam com forme mas eles não tinham onde ir, eles só tinham umas garrafas de cereveja, eles viram um buraco na parte de cima, más só via a entrada para o terceiro andar.Hank:-agora posso dizer que estamos mortos.Kyller:-você perde as esperanças muito rápido.Hank:-mas o nosso andar á cima, só é terceiro andar.Monica:-temos que sair daqui.Kyller:-mas como vamos sair daqui.
Kyller:-mas como vamos sair daqui.Hank:- de uma coisa eu sei se a gente quiser sair daqui temos que fazer alguma coisa, que tal a gente fazer alguma coisa, tipo quebrar a parede do primeiro andar.Kyller:- mas eu acho que essas paredes são muito bem protegidas.Hank:- o que você acha que devemos fazer.Kyller:- a única coisa que podemos fazer aqui é morrer, não temos muitas escolhas eles vão acabar vindo aqui e matar todo mundo, eles não vão ter piedade em acabar com todos nós.Mônica:-olhar nós não sobrevivemos do terceiro andar para depois morremos temos que fazer alguma coisa.Kyller:- se alguém tem alguma idéia do que devemos fazer, tem que dizer agora, não tem como vamos ter que resistir com todas as armas que temos aqui, vamos atirar neles até que as nossas balas acabem.Hank:- bem como parece que não temos o que fazer?Mônica:- vamos explodir essa parede.Kyller:- você sabe de alguma bomba que nós temos nesse exato momento, por que eu sei que não temos muitas munições.Mônica:- como eles explodiram esse quarto.Kyller:- você está certa, temos que usar as bombas deles.Mônica:- quem vem comigo pegar essas bombas.Hank:- eu vou, eu não quero morrer nesse hotel.Kyller fica andando para todo segundo andar.Kyller:- não temos outra escolha.Hank foi para um quarto.Hank:- mas onde exatamente está a bomba alguém que chutar um palpite?Mônica:- essas bombas sempre estouram no centro do quarto.Mônica foi para o centro do quarto.Mônica:- essas coisas normalmente ficam aqui.O quarto explode matando Hank e Mônica de uma vez, Kyller fica paralisado de medo se supressa que ele sentiu naquele momento.
Kylle ele caiu no chão de paralisado que ele estava não estava pensando direito no pensamento dele, só entrava em desespero por que sabia que ele sabe que pode ser o unico sobrevivente nesses dois andares, ele só conseguia pensar que ia morrer, não parava de pensar que ia morrer.5 horas depois disso tudo, ele consegue reunir os pensamentos, ele vai caminhando devagar para onde eles morreram, ele esperava que eles não tinha morrido, ele ficou paralisado de ver o corpo deles em pedaços dos amigos dele espalhado por todo quarto, ele só viu o buraco que levava para baixo, ele sabia que ele não devia procurar as bombas, por que sabe que isso é o mesmo que tentar fazer um suicidio, mas ele sabia que ele não tinha muita questão de escolha, ele sabe que o andar de cima tem muitas coisas que podem matar ele.Kyller foi procurar o quarto que levava até o terceiro anda, ele viu ele tambem viu que a parte de baixo tambem explodiu então não tem nenhuma chance de uma bomba explodir, ele ficou parado um momento ficou pensando onde está o buraco para levar no andar de cima, se ele não memorizar-se seria uma corrida as cégas e estariaindo em direção a morte.O nervosismo dele, estava controlando o corpo dele, ele queria subir mais o corpo não deixava.Kyller:- o que eu sei que tenho que atrevessar isso, vamos corpo não amoleça agora.ele purou e se agarrou no buraco de cima, ele estava tentando colocar toda a força que ele tinha, mas o nível de adrenalina dele, fez com que ele subir-se no andar de cima, quando chegou saiu correndo antes que alguma coisa pudesse pegá-lo e conseguiu subir, ele conseguiu chegar no buraco levando para o quarto andar, quando ele sobe ele ver o tyller.Kyller:- ola, maldito.quem está na sala é syrús.Syrús:- ola kyller que pena que você não verificou se eu estava realmente morto lá no mundo dos mortos, e estava perto quando eles mataram aquela criatura.Kyller:- por que você de repente quer se chamar Tyller.Syrús:- por que esse é o meu verdadeiro nome, nossa memória nos enganou desde de primeira, o que a gente acha que é o nosso nome na verdade não é.Kyller:- agora que você declarou guerra á todos nós.Tyller:- quando eu soube o que eu erá lá fora, eu fiquei com muita raiva, e ainda você tentar me matar lá naquele mundo daí eu não quero fazer amizade com niguém.Kyller:- teremos que te entregar para tudo isso acabar.
tyller:-eu sabia você quer outra chance para me matar, eu não sou tão burro, você não quer a paz disso tudo você quer que todos eles morram, eu sei que eles são muito crúeis.Kyller:- você vai se entregar nem que eu tenha que matá-lo para isso.Tyller:- você já tentou isso se é que você se lembra.Kyller:- que pena que eu não te matei antes de tudo isso acontecer você.Tyller:- eu sou a pessoa que "eles morrem de medo" você tambem tem que demonstrar medo de ante min, você sae do perigo que eu represento.Tyller:- é muito bom que você tenha uma arma já que você está me ameçando você tem ua arma.Kyler:- eu vou usar contra você.Tyller:-você tem certeza disso você não sabe como eu poso ajudá-lo.Kyller:- nós somos poucos comparados co que eles devem ter.Tyller:- você deve saber que o numero não é importante nesse momento, o que importa é a estratégia você tem que pensar muito uma maneira de atacar essas pessoas.kYLLER:- você sabe quantaspessoas sobreviveram?Tyller:- eu devia está no segundo andar.Kyller:- não é uma boa idéia.Tyller:- antes disso tudo acontecer que tipo de pessoas eles escolheram para fica naquele lugar.Kyller:- olha você tem que ter muita calma, o segundo ndar não é uma escolha muio boa tem poucas opções para você se mecher.Tyller deu um soco na cara de Kyller.Tyller:- preste muita atenção nas coisas que eu digo, se você não quiser que eu te mate agora.Kyller:- á sua briga é com eles.Tyller:- eu sei muito bem com quem eu devo brigar mais a questão você sabe muito bem com quem você dee lutar, eu acho que você não sabe.Kyller:- nós temos que lutar com "eles".Tyller:- eu controlo no computador que eu tenho as armadilhas do terceiro andar.Kyller:- o que você pretende fazer?Tyller:- ir até o segundo andar e matar todos que sobreviverem ao terceiro andar.Kyller:- como você pretende fazer isso.Tyller:- eles vão ter que tentar nos matar, para que outro possam entrar nesse hotel, vamos eliminálos.Derve estava pensando em um jeito para abrir a passagem de cima, ele abriu a porta do elevador.Derve:- ok, vamos subir.Charle:- mas quem é que vai subir?Derve:- eu acho que eu ja sei quem?Charle:- pelo visto eu vou ter que ir.Derve:- eu posso ficar aqui?Charle:- você está com medo?Derve:- na verdade eu estou com muito medo eu não estou com nenhuma coragem para ir.Charle:- alguém mais daqui vem?todos vão para perto deles.Charle:- mas ir todo mundo é muito arriscado.uma pessoa:- eu sei mas vai valer a pena se nós sairmos daqui.Charle:- mas á questão é se nós não sairmos vocês sabem que todos nós podemos morrer.Derve:- parece que todos querem arriscar morrerem.Charle:- então vamos todos juntos incluindo a nossa refém.Derve:-se for assim até eu vou.Charle:- mas a questão é que se não der certo.Derve:- todos querem a liberdade chega de fica presos.Charle:- então vamos sair daqui, vamos pegar todas as armas e alimentos que podemos prescisar.Derve:- certo.todos estavam se arrumando para ir, 5 horas depois eles já estavam todos prontos.Derve chegar para o charle.Derve:- você acha que a gente vai sair daqui.Charle:-se eu não achar-se que a gente iria sair você acharia que eu levaria todos eles, eu acredito que possarmos sair daqui.Derve:- liberdade ou morte.Charle:- já que eles querem nos matar não temos outra escolha teremos que sair do dominio deles.Derve:- VAMOS.Charle e Derve estavam segurando a mulher.Derve:- você vai ser a nossa passagem para casa.Charle:- mas onde é a nossa casa?Derve:- qualquer lugar que não seja aqui.Todos foram para o elevador, e estavam subindo na corda, a mulher estava amarrada junto com o derve estavam amarrados no braços.Charle:- pela iberdade.Derve:-ei se amarre com ela.Charle desamarrou ele e se amarrou nela.Derve:- nós podemos ter os dois?Charle:- do que você está falando?ele pulou e não se segurou na corda ele foi direto para o chão, ele morreu na hora.Mulher:-ele realmente sabia as chances de vocês sairem vivos.Charle ficou com raiva e deu um murro nela.Charle:- eu só não te mato porque por enquanto você tem que ser a nossa refém,a melhor garantia para sairmos vivos dessa.todos eles estavam subindo as cordas que levar para o andar de cima todos eles estavam querendo chegar muito para o sétimo andar, mais quando eles estavam chegando para o sétimo andar, foram supriendidos porque "eles" estavam esperando pelos habitantes do Hotel.Charle:- eu estou com uma de vocês.eles ainda continuaram atirando.Charle:- droga eles não estão acreditando temos que fazer algo.todos estavam descendo desesperados querendo se salvar, todos voltaram para o andar onde eles estavam.Uma pessoa:- droga isso não deu certo.Charle:- você acha temos que pensar em um plano melhor.Pessoa:- mas talvez vocês tenham que subir primeiro para mostrara que você está com ela.Kyller pegou todas as armas que ele encontrou no prédio qualquer coisa que posssar ajudar quando forem enfrentar "eles" tyller já estava com tudo planejado.Tyller:- vamos temos que ajir de pressa antes que eles pensem em alguma forma de nos matarem.uma pessoa aparece é o Ablon.Kyller:- onde você estava?Ablon:- eu estava escondido na base dos caras que fizeram esse local.Kyller:- você pode nos levar para esse local seguro.Tyller:- eu não confiaria tanto nele. Kyller:- ele pelo menos não matou ninguém do nosso grupo.Tyller:- então você mesmo diz que você não é uma pessoa muito confiável.Kyller:- eu acredito no Ablon.Kyller:- você notou como ele nunca foi ameaçado por "eles".Kyller:- sim eu notei.Tyller:- é por que esse desgraçado é um "deles".Kyller:- do que você está falando?Tyller:- eles escolhem uma pessoa do grupo deles para ver se a gente está realmente cumprido as regras para sobreviver e ficar nessa prisão.Kyller:- isso é verdade?Ablon:- sim, mas eu estou do lado de vocês eu não concordei em eles tentarem matar todos vocês eu ativei as bombas para vocês escaparem do terceiro andar.Kyller:- você vai nos ajudar á sair.Ablon:- eu estou convensendo eles a não matarem vocês.Tyller:- nós vamos ajir agora.Ablon:- todos vão morrer, todos inclusive eu.Kyller:- o que você fez?Ablon:- eles já se cansaram da revolta de vocês eles vão matar á todos não importando que esteja no caminho e eles vão fazer apatir de um hora, e o tempo já está correndo.está havendo um turmuto entre os que estão no hotel na parte onde está o Charle, estão pensando se eles devem matar a mulher ou deixar que ela viva por que para eles estava bem claro que "eles" não estavam sendo mais paciêntes com os moradores.Uma pessoa que é uma morena com um roupa preta, se destacou quando eles estavam conversando, o nome dela é Rejina.Rejina:- não temos mais razão para manter essa mulher viva.Charle:- eu acho que se a gente já te ver-se solto essa mulher eles já teriam matado a gente.um outro foi falar com ele esatava de camisa branca e jeans o nome dele é Valentin.Valentin:- olha o nosso plano não mudou todos nós queremos sair e vamos arriscar tudo.Rejina:- á unica diferença é que não temos mais o elemento supressa.Charle:- eu acho que nós nunca tivermos esse elemento.Rejina:- vamos todos pensar como vamos sair dessa merda de hotel.Charle:- nós vamos ter que fazer essa guerra.Valentin:- certo temos que sair daqui o mais rápido possível.a mulher:- vocês sabem o que acontece quando vocês são capturados por fazer uma coisa que não devem, você Charle sabe muito bem do que eu estou falando.Charle:- por que justo eu é que devia saber?Mulher:- os que não se adaptamm bem nós pegamos vocês e colocamos parafazer experimentos, você no primeiro dia aqui você viu um dos nossos experimentos.Charle:- você está falando da criatura.Mulher:- sim, antes ele erá um homem como você mas nós fizemos experimentos neles e deixamos daquele jeito.Charle:- você não tem coração.Mulher:- e você sabia que tipo de pessoas estavam no segundo andar, todos eles eram assasinos frios.Charle:- para de ficar falando bestéira.Rejina deu um tapa na cara da mulher.Rejina:- você deve muito bem calar essa maldita boca.Mulher:- todos que trabalham nesse local são malucos, eu tenho que concorda o que eles fizeram com vocês eles não deviam fazer com ninguém.Rejina:- Você nos comoveu agora a gente te solta!Mulher:- vocês vão morrer.
Ablon:-nós temos que sair daqui o mais rapido que podermos.Tyller:-vamos subir e matar todos que podemos.Kyller:- eu não acho que é a melhor opção que temos porque tudo pode complicar e muito.Tyller:- olha não podemos fica esperando que algumacoisa aconteça, e se essa coisa acontecer vai ser com certeza a visita dos amigoss deles querendo saber da gente.todos eles começaram a subir as escadas, todos estavam sendo os mais apressados que podiam.e finalmente estavam no andar deles, Tyller foi Primeiro, "eles" começaram se aproximar dele, todos "eles" estavam de uniforme azul.Pessoa:- ainda bem que você veio se entregar.Nesse momento Kyller e Ablon começaram a atirar neles, e outros tiros estavam acontecendo, erá o pessoal do Charle que estavam atirando e jogando as bombas,algumas pessoas estavam morrendo, todos eles foram tentar sair, quando finalmente acharam a saída todos estava saindo.Charle contiuou no hotel e foi procurar o responsável, ele viu uma pessoa de terno e gravata, ele erá velho, careca, Charle foi até ele.Charle:- você é o dono disso tudo?Velho:- sim.Charle:- como você polde sequestrar pessoas.Velho:- você está confundido tudo, eu vou te falar toda a verdadee, vocês são prisioneiros, vocês vieram aqui porque quiseram, esse "hotel" erá só um teste para ver se a pessoa melhoraria o comportamento, por isso tiramos sua memórias para vocês esquecerem o que eram e se tornarem boas pessoas, vocês para sobreviver só tinham que obedecer as regras nada de mais.Charle:- nós eramos prisioneiros.Charle saiu depois, ele finalmente conseguiu a liberdade, mas todos que sairam do Hotel ainda são caçados, até hoje.

FIM