sexta-feira, fevereiro 28, 2014

O som da sala

Reginaldo tis estava dormindo, por causa de um dia longo de trabalho, estava descansando tranquilamente, até ele ter ouvido um som na sala, seu primeiro instinto foi pegar o telefone, quando ele estava abrindo a porta de vagar.
Estava escuro mas a sombra que a coisa fazia, demonstrava que aquilo tinha um formato estranho, a cabeça dele estava tentando compreender o que era aquilo, mas nada vinha na cabeça nada, estava completamente paralisado.
Quando a coisa demostrou ter olhos completamente vermelhos, Reginaldo foi correndo de baixo da cama, dali, tentava fazer nenhum barulho ficava controlando a sua respiração, ele estava em pânico no momento, o tempo passou e não ouviu mas nenhum barulho.
Ele foi ver e a criatura não estava mas la, e nunca mais apareceu para ele.


                                                            FIM    

quinta-feira, fevereiro 27, 2014

A pintora e o quadro

Sandra ras, estava já tinha pintado um quadro de um homem, sempre quando pintava outros quadros, ela sempre falava com o quadro, como se tiver-se uma outra pessoa lá, ela fazia isso todo dia, não fazia quando tinha outras pessoas.
Um dia entrou um assaltante na casa, ele não estava de mascara e estava de noite, a Sandra viu o rosto do assaltante, ele ameaçou a ela.
Nesse momento ela estava morrendo de medo, quando a luz se apaga, e a Sandra esculta 5 tiros, quando a luz acende, o assaltante esta morto no chão com 5 tiros, mas a arma havia desaparecido, quando ela olha o quadro, estava com a arma.
O quadro que ela falava todo o dia.

                                                              FIM 

quarta-feira, fevereiro 26, 2014

Vá agora

João Sitas trabalha em vendas em uma empresa, sempre vai para o trabalho de ônibus, mas algo anda acontecendo com ele, normalmente vai no ônibus as 8 horas, mas toda vez que da perto das 7 e meia uma voz vem na cabeça dele dizendo "vá agora".
Foi falar com os médicos, para perguntar o que esta havendo com ele, mas não souberam explicam mentalmente estava bem, isso continuava acontecendo todo o dia, isso já estava deixando-o deprimido, porque não sabia o que era.
Quando ia dar 7 meia, João decidiu ouvir a misteriosa voz, foi no ônibus a 7 e meia, e tem a maior surpresa de todas, ver a mulher mais bonita que já viu, tirou uma coragem, ele não sabe de onde veio essa coragem e falou com ela, por destino eles dois estão juntos e felizes.



                                                                  FIM   

terça-feira, fevereiro 25, 2014

Som de moto

Maria Silas é uma mulher morena, é uma mulher trabalhadora, trabalha como contadora em uma empresa, um dia quando estava no escritório, começou a ouvir um barulho de moto fora do escritório, mas dentro do prédio onde ela estava.
Foi começar a ver de onde estava vindo aquele barulho, ficava olhando em frente, não conseguia entender, como uma moto tinha entrado nos escritório, e principalmente porque a pessoa faria isso, depois ela esculta o barulho da moto, como se estiver-se indo.       
Ela de repente ver uma grande sombra, que estava em pé, em cima de uma moto, e ela foi em direção a uma parede, e parecia que ela estava carregando uma outra pessoa, depois quando foi em direção a parede, atravessou ela e desapareceu.
Quando a Maria andou um pouco mais, viu um senhor, morto no chão, ela chamou a ambulância, mais tarde foi revelado que ele sofreu de ataque cardíaco, ela nunca se esqueceu do que aconteceu.


                                                                   FIM 

segunda-feira, fevereiro 24, 2014

Medo da realidade

Ricardo Tez tinha muito conhecimento sobre tudo, sempre zoava com as pessoas quando falavam de algo sobrenatural, sempre achavas todos esses tipos de coisas idiotas demais, principalmente quando diziam que o espelho, é um tipo de porta para ver um outro mundo.
Sempre confiante de se até que um dia ele sentiu um choque, depois foi vomitar, quando olhou no espelho, viu que o reflexo estava agindo por conta própria, ficou se lamentando no chão achou que estava louco quebrou o vidro, e cortou os próprios pulsos morrendo depois.
O que ele não sabia que isso aconteceu no mundo inteiro, todos tiveram a confirmação de existir uma outra dimensão.    


                                                              FIM

Historias relacionadas:

sexta-feira, fevereiro 21, 2014

3 batidas

Alan Riva estava na cama, se preparando para dormir depois de um longo dia no trabalho, quando ia dormir, escultou três batidas na porta, isso já assustou ele, porque na casa só mora ele, foi abrir a porta para ver se tinha alguém, e não havia ninguém.
Foi tentar dormir de novo, mas de novo as batidas na porta, começaram de novo, foi verificar e não havia ninguém.
- Seja lá quem for pare com isso! - Gritou isso em desespero.
Mas as batidas não pararam ficava tentando dormir, mas as batidas ficava incomodando ele e muito, até quando amanheceu, e as batidas finalmente param e nunca mais voltou a acontecer, o Alan ficou a vida toda tentando descobrir do porque que aquilo aconteceu.



                                                                        FIM   

quinta-feira, fevereiro 20, 2014

Passos no andar de cima

Roberto Fara estava na casa dele, estava trabalhando em um livro, uma coisa que gosta principalmente na hora que esta trabalhando, morar num apartamento, onde no momento ficava ouvindo muitos passos no andar de cima.
De primeiro não se incomodava, o problema é todos os passos são paços pesados, ficava tentando se distrair, mas não dava atrapalhava muito ele, não estava conseguindo pensar em nenhuma historia, ficava olhando no teto.
Até que decidiu ir na porta do vizinho, ficou batendo na porta dizendo.
- Pelo amor de deus parem de fazer barulho!
Depois ele desceu, duas horas depois o Roberto ficava escultando os passo na casa, onde só havia ele de pessoa.


                                                                 FIM   

quarta-feira, fevereiro 19, 2014

O dia de matar

O João Rari estava pronto para tirar a própria vida já tinha comprado até a arma, o motivo que estava querendo se matar, é porque a esposa dele morreu em um acidente de carro, o João amava muito ela.
No dia que tinha decidido se matar, antes foi comprar um pão como fazia com todas as manhãs, mas nesse dia viu que estava tendo uma comoção na frente da padaria, e ver um homem com a faca na garganta de uma garotinha.
O homem ficava dizendo que ia matar-la se as pessoas não deixar-sem ele ir, o João dias antes, ficava praticando tiros, para que a mira fosse perfeita, na hora.
Quando o homem passou perto do João, ele sabia que conseguiria deter o bandido, então arriscou, deu um tiro na cabeça do bandido, a criança saiu ileso da situação, nesse dia o João saiu com uma garota que o considerava um herói, e tudo isso fez com que o João Rari nunca mas pensar-se em se matar.

                                                           FIM     

terça-feira, fevereiro 18, 2014

O olhos pretos


Um médico foi chegar um paciente com um caso estranho, os olhos dele estavam tormentante pretos o médico foi falar com o paciente.
- Ola senhor Santos - disse o médico.
- Você é o meu médico? - disse o Santos.
- Sim, eu sou.
- Você pode me dizer o que aconteceu comigo?
- Infelizmente não conseguirmos explicar o motivo dessa situação.
- Sábia que vocês não conseguiriam, nunca diga Santa Rosas 6 vezes em frente ao espelho.
- Por que não?    
- Se você fizer isso, o espirito dela vira atrás de você, primeiro ela retira a sua visão para depois retirar a sua vida, deve ser de alguma coisa que aconteceu com ela não me aprofundei muito no assunto.
- Você não deveria acreditar nesses tipos de coisa.
- Mas doutor estou ouvindo-a e ela esta atrás de você.



                                                                  FIM

segunda-feira, fevereiro 17, 2014

Os quatro

4 jovens estavam em um bar se divertindo, bebendo e muito, quando o bar fechou, eles estavam andando nas ruas, até que eles viram o museu, não pensaram muito, foram no museu, e decidiram fazer vadiagem, invadiram o museu.
Ficavam mexendo, em tudo, nos ossos de dinossauro até em 4 estatuas de anjo, continuaram fazendo bagunça lá até ouvirem o som da policia os 4 caíram fora de lar, 4 dias depois disso a policia encontrou os corpos dos 4 jovens mutilados, e nesse quarto tinham as 4 estatuas dos anjos cobertas de sangue.


                                                                  FIM       

sexta-feira, fevereiro 14, 2014

O carro preto


Leo mot é uma pessoa comum, caucasiano branco, usava roupa normal, tinha um emprego de garçom, mas uma coisa começou a acontecer, um carro preto ficava parado, toda vez que ele ia sair do restaurante, e quando saia o carro corria em disparado.
Isso era uma coisa que estava perturbando muito ele, já chamou a policia, mas uma coisa tornava a situação mas estranha, nenhum dos amigos deles, ou a policia conseguia ver o carro, isto fazia com que o Leo pensar-se que estava enlouquecendo.
Um dia ao sair do trabalho, uma pessoa apontou a arma para ele e diz"isto é um assalto passe tudo que você tem, ou leva bala", nesse momento Leo não tinha nada do bolço, só a chave de casa, quando o assaltante, iria dar um tiro.
O carro preto aparece e atropela o bandido, fazendo-o morrer na hora, quando o Leo foi ver quem estava dirigindo não havia ninguém.




                                                                 FIM        

quinta-feira, fevereiro 13, 2014

uma noite que jamais vai esquecer


Yuri maz estava em um feira, lá tinha vários mercantis, ele viu um caixa estranha, e nela parecia que tinha um botão, fascinado pela caixa pegou ela e comprou, quando chegou na casa, viu que em cima da caixa estava escrito"aperte o botão e você vai ter uma noite que jamais vai esquecer", por impulso apertou o botão.
Nada aconteceu, viu que ainda estava de manhã, passou o tempo e finalmente estava de noite, nesse momento muitos demônios apareceram no apartamento dele, o Yuri correu deles, os demônios ficaram perseguindo-o tentando matar-lo.
Por sorte conseguiu escapar, ficou nisso a noite toda, até que finalmente amanheceu e os demônios desapareceram, desse dia em dia ante nunca mais apertou a caixa de novo, por causa da noite que ele nunca esqueceu.

                                                                     FIM      

quarta-feira, fevereiro 12, 2014

Casa limpa



Victor bra era um caucasiano, vestias roupas normais, uma coisa que ele gostava de fazer era sempre ir para festas, sempre quando chegava em casa sempre fazia uma grande bagunça, mas no outro dia como mágica tudo estava, limpo e tudo no lugar.
Algumas vezes vomitava no chão e destruía algumas coisas da casa, mas no outro dia, tudo estava limpo, e as coisas destruídas estavam inteiras.
Até que no dia seguinte, a casa dele estava toda arrumada, e ele havia desaparecido passaram alguns dias e o corpo dele foi encontrado todo desmembrado e estava num saco lixo.



                                                                            FIM   

terça-feira, fevereiro 11, 2014

Estrada amarela

Rid estava andando numa rua normal, quando de repente, ele estava andando numa estrada amarela, mas ao redor só tinha escuridão, mas a estrada estava iluminada, ficava tentando andar para trás e nada, tentava andar para os lados e nada.
A unica coisa que ele conseguia fazer era seguir em frente, o Rid não tinha mulher nem emprego, basicamente não tinha basicamente nada para ele no mundo normal, mas continuou andando sempre para frente.
No final viu um paraíso, cheio de mulheres bonitas praias, e toneladas de ouro só para ele.


                                                                 FIM 

segunda-feira, fevereiro 10, 2014

Parede vermelha

Em 29 de março de 1929 Felipe viu uma coisa estranha na casa 166 do município dos ventos, Uma parede vermelha que nela, tinha sangue, isso apareceu para ele apenas uma vez, e nunca mais apareceu para ele, tinha se mudado da casa 2 dias depois.
No dia 29 de março de 1959 a parede vermelha de sangue apareceu na mesma casa Vinícios foi a pessoa que relatou ter visto este evento este demorou 6 meses para sair da casa.
No dia 29 de março de 2013 duas pessoas entraram na casa, um estava pegando a mulher um do outro, os dois pegaram as armas e atiraram um no outro por coincidência do destino o nome das duas pessoas que se mataram foi Felipe e o outro Vinícius, a uma parede ficou sujo com o sangue dos dois.


                                                                              FIM    

sexta-feira, fevereiro 07, 2014

5 minutos

Diego Sartovi tinha comprado um cama, era muito confortável, ele tinha que acorda cedo para o trabalho, no dia seguinte estava chovendo, ele olhou para o relógio e falou:
- Só mais 5 minutinhos.
Ficou dormindo, mas do que isso quando acordou, ainda se sentia com sono e continuou dormindo, quando percebeu já era de noite:
- OU DROGA! - disse ele.
Ainda estava com sono, mas estava tentando se levantar, quando viu muitas mãos fantasmas estavam tentando fazer com ele se deitar-se de novo, mas com o susto, ficou acordado de vez, reuniu toda a coragem que podia, e saiu da cama.
No dia seguinte, queimou a cama, depois comprou outra nova, e quando era hora de acorda, ele acordava na hora.

                                                                      FIM  

quinta-feira, fevereiro 06, 2014

Direito de ir pro inferno

Um homem entra no bar, ele é o Alan, estava com um revolver no coldre no lado direito da perna dele, tinha cabelo raspado, barba por fazer, distintivo da policia federal no pescoço, ao entrar no bar ver um cara com a barba mal feita, careca.
- Você é João a maquina? - disse o Alan.
- Sim, eu posso saber quem diabos é você filho da pulta.
- Meu nome é Alan trabalho...na verdade estou aqui por um hobby meu.
- Que porra de hobby é esse?
- Trazer pedaços de lixos como você para a policia, notei que você tem um cartaz dizendo "procurado vivo ou morto" com o seu rosto nele.
O homem dar uma risada e diz.
- Meus dois amigos também tem cartazes de procurados - João falou isso falando das duas pessoas que estão ao lado dele.
- Eu sei disso, o problema é que eu só consigo levar um para a delegacia, os outros dois eu vou matar-los aqui e agora.
- Pera ai amigo, pense no direitos humanos.
- Engraçado uma pessoa como você falar de direitos humanos, sendo que você matou e estuprou várias mulheres, isso me lembra o que uma ex-namorada minha me disse, que eu devia ensinar a esses bandidos lição de humanidade, disse a ela que é uma perca de tempo, bandidos não tem humanidade e precisão ser destruídos.
- Você tem que entender minha vida foi difícil cheio de escolhas complicadas...
Alan foi rápido com a arma ele atirou nos dois que estavam ao lado dele na cabeça, apontou a arma na cabeça do joão maquina, e disse:
- Aqui uma escolha fácil você quer viver ou morrer?
- O que?
Alan deu um tiro na cabeça dele.
- Resposta errada...Droga tenho que me lembrar de pelo menos trazer um deles vivo...fazer o que.
Ele saiu do bar com um sorriso no rosto.
          

                                                                     FIM

quarta-feira, fevereiro 05, 2014

Caminho escuro

João num dia ficou andando com um corredor escuro, ficava vendo se tinha caminho de volta, mas não via nada, ele ficava andando, nessa estrada escura, sem muita energia, ficava andando sabendo que aquilo não ia dar em nada.
Então ele se cansou daquilo e gritou.
- Não irei fica nesse caminho de trevas, se você me dar a luz, prometo seguir reto e nunca me desvia.
Uma luz apareceu, para ele, quando chegou toda a escuridão desapareceu.

                                                                 FIM

terça-feira, fevereiro 04, 2014

O quarto

Um homem acordou em um quarto, sem portas, só paredes, nele tinha banheiro, um copo de água e uma comida, o ele é Tom, estava muito assustado, ficou tentando arrumar um jeito de sair de lar, mas não tinha saída, magicamente apareceu uma tv, e estava funcionando.
Depois de alguns dias estava se acostumando com o lugar, toda vez que a comida desaparecia, outra aparecia no lugar, o mesmo era como o copo de água para ele estava sempre gelada.
Meses e anos se passaram o lugar parecia cada vez mais agradável, até que um dia disse.
- Chega, eu tenho que ir lá fora, viver a minha vida.
Ficava começando a socar a parede, quando mais socava a parede, mas ela ia se quebrando e mas a mão do Tom e a sangrando, ficava socando direto a parede até que ela finalmente caiu, quando caiu viu uma tremenda de uma paisagem, o Tom depois de anos sorriu pela primeira vez.



                                                                         FIM    

segunda-feira, fevereiro 03, 2014

O pato e o garoto

Um menino de 11 anos chamado Davi trin um dia viu um patinho na loja de animais, os pais compraram o pato, os pais são adoram animais, dia após dia eles cuidavam do patinho, eram dias felizes, até o pato crescer, os pais fizeram com que o garoto aceitar-se a ideia, para liberta o pato na floresta.
O garoto ficou triste, mas para ele o pato estaria mais feliz na natureza do que na casa dele, então eles foram para um lago e libertaram ele, a família ficou feliz, principalmente o garoto, por ter o pensamento feliz de que o animal esta feliz onde pertence.
Pouco tempo depois no lago, o jacaré matou o pato, ironicamente se o pato continuar-se com a família ainda estaria vivo.


                                                             FIM